sexta-feira, dezembro 18

Juventude.

Deitado sobre a grama muito verde, aquele jovem de 15 anos mantinha a cabeça confotável apoiada no antebraço, tragando um cigarro enquanto observava as formas das nuvens no céu.

A vida parecia irreal, um paraíso, perfeita. Não podia ser explicada em palavras. Aquele sorriso não saia dos seus lábios, o cheiro do cabelo loiro ainda estava em suas narinas. Parecia que havia corrido uma maratona, sentia-se cansado, mas relaxado. Não havia muito sol, até poderia dormir ali. O gosto do corpo dela ainda em sua boca, era como se ainda estivesse sentido o toque dela.

Passava a mão em seu rosto, procurando alguma barba, não havia nada, mas sentia-se homem. Talvez fossem os cigarros que roubara do pai, talvez o corpo magro da vizinha viúva, talvez porque já não brincasse mais com seus carros de brinquedo, era apenas aquela sensação de maturidade.







Sobre o texto:
Foi escrito por mim, em 17 de agosto de 2009, e, sinceramente, é um dos meus preferidos. Ele saiu naturalmente, como tantos outros textos. Eu apenas sentei na frente do computador e pensei: "tô afim de escrever alguma coisa", aí ele surgiu. Apesar de curto, acho que expressa bem o ritual de "se tornar homem", pelo menos na minha concepção. Eu já o havia postado no meu blog antigo, mas relendo acabei querendo postá-lo aqui também. Espero que tenham gostado, apesar de não fazer muito bem o perfil deste blog...

5 comentários:

Dayse de Andrade disse...

Bom realmente nada haver com o título do blog... Mas ainda bem!! Prefiro ler um bom texto, como é o caso, do que discutir religião. Enfim, parabéns pelo texto. É envolvente... faz você mergulhar... já escreveu um livro? Se não, comece a pensar, você escreve muito bem. Abraços!

Edir Rodrigues disse...

Parabéns pelo blog, você escreve muito bem.

Rodolfo Soares disse...

Opa, pensei que o texto teria alguma coisa relacionada ao blog. Falando nisso gostei da temática do blog...

Quanto ao texto, os espontâneos são os melhores hehehe

Abraços
www.borarir.com

Priscila disse...

ual . ótimo post .
Prabéns mesmo , tu escreve bem :)

http://nomeecriativo.blogspot.com/

Guilherme Luis disse...

o blog perdeu o sentido...